terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Juro Zero inicia 2017 com melhor resultado em cinco anos

Quando o Governo do Estado lançou o Juro Zero, em novembro de 2011, a meta era atender 30 mil microempreendedores individuais (MEIs) em Santa Catarina. Cinco anos depois, o programa já beneficiou mais que o dobro, com 60.914 operações de crédito que totalizaram R$ 173.182.566,51. “O Juro Zero continua em ascensão. Tivemos o maior número de auxílios desde o lançamento, com 968 empréstimos em janeiro, 11,2% a mais que em 2016”, afirma o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), Carlos Chiodini.

Os participantes podem adquirir o empréstimo de até R$ 3 mil, parcelados em oito vezes. Com o pagamento das sete primeiras parcelas em dia, a última é quitada pelo Governo do Estado. “O Juro Zero está sendo modelo inclusive para outros Estados, como São Paulo, por exemplo, que lançou um projeto semelhante no mês passado”, conta Chiodini. Para participar, o MEI deve ser formalizado e ter receita anual de até R$ 60 mil.

Coordenado pela SDS, o programa conta com parceria da Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina (Badesc), do Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil (Sicoob) e da Associação das Organizações de Microcrédito de Santa Catarina (Amcred/SC). Para o presidente do Badesc, José Claudio Caramori, os resultados positivos mostram que os catarinenses continuam empreendendo. “Em um ano difícil para o mercado em que muitas empresas fecharam as portas, mais de 13 mil MEIs nos procuraram em 2016 para ampliar ou melhorar seus negócios. É um índice que deve ser comemorado”, conclui.

Nenhum comentário: