sábado, 1 de abril de 2017

Contra ‘pacotaço’ de Greca, servidores municipais aprovam greve para o próximo dia 18

                                    Fotos: Daniela Sevieri – Banda B)

        O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba (Sismuc) aprovou, em assembleia realizada na noite desta sexta-feira (31), greve para o próximo dia 18 de abril. A possibilidade de um novo encontro dos funcionários ficou aberta, para definir como será a paralisação.
Os servidores são contra o ajuste fiscal proposto pelo prefeito Rafael Greca (PMN), que, entre outras medidas, pretende suspender o plano de carreira e adiar a data-base da categoria. “Nós aprovamos essa greve para o dia 18, devido à fala de diálogo do prefeito com a gente. Ele mandou o projeto à Câmara Municipal sem nos consultar e nós não vamos pagar essa conta, que não é nossa. Vamos continuar a conversar com a população porque alguns pontos da proposta atingem a todos”, disse Irene Rodrigues, coordenadora-geral do Sismuc, em entrevista à Banda B.
De acordo com ela, o sindicato vai trabalhar para mobilizar outras categorias a se juntarem ao movimento no dia 18. “O único jeito de não haver greve é o prefeito retirando o projeto da Câmara”, completou Irene.
Entre os participantes da assembleia na noite de hoje, estava Rosana Figueiredo, aposentada como servidora do município de Ribeirão Pires, no interior de São Paulo, após 35 anos de serviço. “Mesmo não sendo do Paraná, eu vim até aqui para participar e apoiar o movimento. Sem a união, nós não conseguimos nada. O poder público precisa valorizar o potencial de cada um de nós. A gente vai exigir dos nossos governantes que cumpram as promessas que fazem. Tirar direito dos servidores é causar uma ferida enorme em Curitiba”, disse Rosana. Ela ainda levou a companheira, uma Golden Retriever de seis anos, para acompanhar a reunião.
Na manhã de hoje, trabalhadores em vários serviços da prefeitura, como escolas e unidades de saúde, realizaram uma paralisação nos locais de trabalho de 50 minutos contra o ‘pacotaço’ de Greca. O Sismuc representa todos os servidores da prefeitura, com exceção de professores e guardas municipais.

Nenhum comentário: